Tudo o que você precisa saber sobre energéticos

28/06/2019 3 min de leitura

O consumo deles tem aumentado exponencialmente desde que chegaram ao mercado. Entre os anos de 2006 e 2010, por exemplo, o consumo de energéticos aumentou em mais de 300% — uma popularidade, inclusive, entremeada por uma série de polêmicas quanto aos benefícios e malefícios desse tipo de bebida.


Mas, afinal de contas: os energéticos melhoram a concentração, o foco e a disposição, e fazem bem à saúde, ou trata-se de um produto que deve ser bastante dosado e consumido com cautela? Para responder a essas perguntas, e tantas outras, preparamos este post!
Siga com esta leitura, e aprenda tudo o que você precisa saber sobre energéticos!


Afinal, o que são energéticos?


Em cápsulas, líquidos aromatizados, com sabores distintos e em bebidas comercializadas em qualquer loja de conveniência, especializados e supermercados, os energéticos estão, em todos os lugares, focando na demanda de pessoas em busca de uma dose extra de energia.
E, no geral, esses produtos possuem uma constituição à base de substâncias diversas, como:


Carboidratos;
Taurina;
Cafeína;
Glucoronolactona;
Inositol;
Vitaminas do complexo B.


E para que isso tudo? Simples: embora cada uma delas possua uma função específica, no geral elas têm em comum a geração de energia para o nosso organismo. Explica-se, portanto, porque os energéticos são tão procurados para aumentar a disposição e a concentração para as tarefas do dia a dia.
E faz bem consumir os energéticos?


Estimulantes, em geral, não fazem bem à saúde quando consumidos excessivamente. Acontece isso com a cafeína, por exemplo, cujo consumo absurdo de xícaras ao dia pode se traduzir em náuseas e picos de ansiedade.


O mesmo acontece, portanto, com os energéticos. Além dos sintomas acima, o exagero pode causar arritmias e, até mesmo, vômitos. Dessa forma, a moderação é necessária, bem como deve acontecer em tudo aquilo que nos propomos a fazer ou experimentar.


Vale, contudo, o efeito comparativo: cada latinha de energético equivale a cerca de três xícaras de café.


No entanto, cada energético conta com uma fórmula exclusiva. Deve-se observar, atentamente, o que consta na lista de ingredientes para evitar que os energéticos deixem de ser um auxílio e tanto para a rotina atribulada, e se tornem um problema à sua saúde.


Com o que se atentar ao consumir energéticos?


Primeiramente, entenda que os energéticos não são recomendados para a hidratação do corpo. Existem líquidos muito mais indicados para isso, e eles não são substituídos por essa dose extra de energia.


Além disso, é bom evitar o consumo da bebida momentos antes de ir para a cama. Afinal de contas, ele pode espantar o sono se a sua intenção é ter uma boa noite sobre o travesseiro. Se você está em busca de mais disposição para o happy hour: é preciso saber que a mistura de energéticos com bebida alcoólica é prejudicial porque o primeiro potencializa o efeito estimulante do segundo, afetando a coordenação motora e o nosso tempo de reação, abrindo brecha para acidentes.


Por fim, é necessário uma atenção especial às características de cada indivíduo. Por exemplo: a euforia que os energéticos podem causar em uma pessoa jovem pode ter um agravante em potencial para idosos que convivam com quadros de hipertensão — afinal, os batimentos cardíacos e a pressão arterial elevados têm grandes chances de causar problemas de saúde e, até mesmo, risco de morte.


Quais ingredientes considerar ao comprar o produto?


Lembre-se que esse tipo de bebida varia — e muito — em suas formulações. Assim, verifique quais deles contam com uma quantidade inferior de sódio e de açúcar, cujo consumo excessivo também é prejudicial à saúde. Atente-se às contraindicações presentes no rótulo (para gestantes, por exemplo, e hipertensos) para que o consumo dos energéticos venha acompanhado de uma boa dose de segurança.


Se você não sabe por onde começar a sua procura por um desses produtos que seja ideal para a sua realidade, aproveite para conhecer o YEESSS, uma bebida energética à base de stevia para adocicar com qualidade, e com uma quantidade a menos de sódio. Com isso, você obtém a disposição e energia desejados, e sem impactar negativamente na sua saúde!